Projeto Construa Brasil terá 30 ações para ajudar o setor a alcançar as metas de convergência dos Códigos de Obras e Edificações.

No próximo dia 26 de abril, a Secretaria Especial de Produtividade e Competitividade do Ministério da Economia (Sepec/ME) lançará o Projeto Construa Brasil. A ação – cujo lançamento será transmitido ao vivo pelo canal streaming ME – tem como objetivo melhorar o ambiente de negócios do setor da construção, retirando barreiras atuais e incentivando as empresas à modernização.

A construção industrializada ainda é pouco difundida no Brasil. Um cenário ainda encontrado no setor é de uma construção caracterizada por baixos níveis de planejamento, pouca qualificação do trabalhador, baixa qualidade das obras, alto índice de desperdício, controle ineficaz de custos e incidência de acidentes de trabalho. A partir do estímulo à modernização e industrialização do setor, espera-se a inversão desta realidade, através da racionalização dos processos construtivos.

A adoção da construção industrializada tem potencial para reduzir, significativamente, os prazos de execução das obras e aumentar, substancialmente, a eficiência dos processos, a sustentabilidade, as condições de trabalho para os trabalhadores e o controle de qualidade e de custos.

O foco do Projeto Construa Brasilé a elaboração de um planejamento estratégico para difusão da construção industrializada, além de estudos específicos para aprofundar o diagnóstico e propor soluções para as principais barreiras a essa difusão.

As metas estabelecidas estão relacionadas à convergência dos Códigos de Obras e Edificações, à melhoria do processo de concessão de alvará para construção, à difusão do Building Information Modeling (BIM) no Brasil, aos desdobramentos da Estratégia BIM BR e ao incentivo à coordenação modular e à construção industrializada.

Os produtos desenvolvidos para cada uma das metas do Projeto Construa Brasil, estarão disponíveis no site – que será apresentado no dia do lançamento – para apoiar a desburocratização, a digitalização e a industrialização do setor da Construção. Neste primeiro momento, as entregas já disponíveis são:

Meta Convergência dos Códigos de Obras e Edificações (COE)

● Guia Orientativo de Boas Práticas para Código de Obras e Edificações

Meta Apoiar Ações de Estruturação do Setor Público para a Adoção do BIM

● EAD Capacitação BIM (7 módulos). O 1º módulo já está disponível na EVG/Enap. Oo 2º e o 3º serão abertos para inscrições no dia do evento.

Meta Estimular o Desenvolvimento e Aplicação de Novas Tecnologias Relacionadas ao BIM

● Portal BIM Acadêmico

● Células BIM (1 na Universidade Federal do Paraná e 1 na Universidade Federal de Pernambuco)

Sobre o BIM

O BIM (Modelagem de Informação da Construção) é o conjunto de tecnologias e processos integrados que permite a criação, utilização e atualização de modelos digitais de uma construção. Pode ser usado durante todo o ciclo de vida da obra, desde a concepção do projeto até o acompanhamento e controle pós-obra, além de ser viável na realização da gestão e manutenção de edificações e obras de infraestrutura.

A utilização do BIM aprimora muitas práticas do setor da construção e traz diversos benefícios como a redução de erros de compatibilidade, otimização dos prazos, maior confiabilidade dos projetos, processos mais precisos de planejamento e controle, aumento de produtividade, diminuição de custos e riscos e economia dos recursos utilizados nas obras. Além disso, aumenta a confiabilidade nas estimativas de custos e no cumprimento dos prazos, reduz a incidência de erros e imprevistos, garante uma maior transparência no processo de compra e confere maior qualidade às obras.

Fonte: Ministério da Economia

Contato

Tel.: (32) 3532-6362
WhatsApp: (32) 98420-4422

Endereço
Rodovia Km 6, Ubá – MG, CEP 36500-000

Receba nossas novidades por e-mail

Falar conosco
Precisa de ajuda?
Olá, podemos te ajudar?