Módulos prontos são montados no canteiro de obras, reduzindo tempo de obra e desperdício de materiais

Ao mesmo tempo em que se busca mais economia nos processos e sustentabilidade nas construções, os empreendimentos também sofrem com a falta de mão de obra qualificada. Nesse contexto, as construções modulares têm crescido não só na Europa, Ásia e Estados Unidos, como também na América Latina, especialmente o Brasil.

Bom, mas o que é construção modular? De modo geral, é um sistema formado por blocos padronizados, que são transportados até o local (terreno) onde devem ser instalados. Essa metodologia ergue o imóvel por etapas, partindo da padronização das partes que configuram uma casa ou um prédio. Assim, os módulos são transportados um a um e montados para formar a construção.

São diversas as opções de materiais para esse tipo de obra: madeira, vidro, aço e concreto. Em aço, as vantagens são ainda maiores: resistência, durabilidade, flexibilidade estética e sustentabilidade, uma vez que trata-se de um material 100% durável.

Como os módulos são produzidos nas fábricas, as obras não são impactadas por chuvas e outros eventos naturais não podem paralisar o andamento da construção.

E o fato de os módulos chegam prontos ao canteiro traz uma série de ganhos. Diversas partes da obra podem ser construídas simultaneamente, agilizando o processo.

Projetos padronizados também ajudam a reduzir falhas e retrabalhos, e, naturalmente, poupam o tempo que demandaria a correção.

Além disso, a construção modular possibilita um maior controle sobre a quantidade de recursos necessários para uma obra, e, assim, desperdícios são evitados. O volume de entulho gerado é menor e o gerenciamento de resíduos é mais eficaz.

Agora que você já sabe as vantagens desse tipo de construção, não deixe de conferir o guia que o Centro Brasileiro de Construções em Aço acaba de lançar um Manual sobre o sistema modular. A publicação é voltada aos profissionais do setor da construção civil, desenvolvido através de uma parceria com o arquiteto Felipe Savassi, da Felipe Savassi Modular Estúdio.

São informações a respeito desse método de construção, que se destaca pela sua realização offsite, ou seja, fora do canteiro de obras, em um ambiente controlado, com alta precisão e que possibilita a diminuição do desperdício através de um processo construtivo enxuto e eficaz que proporciona uma diminuição de prazo e redução de custos.

A publicação, dividida em cinco capítulos, apresenta as principais características desse método de construção, com exemplos de projetos modulares, destacando, por exemplo, concepções de transporte, dimensionamento e execução das obras. Além disso, também aborda detalhes sobre as estruturas dos módulos, explicando sobre fechamentos internos e externos das peças, acabamentos, revestimentos e demais instalações. Aborda ainda o processo de fabricação/montagem dos módulos em aço, descrevendo também a execução prática de fundação e acoplamento.

A construção modular se tornou uma tendência pelo mundo, sendo aplicada nos mais diversos tipos de obras, como hospitais e escolas, e isso motivou o desenvolvimento desse material por parte do CBCA. No Brasil, o edifício Level, localizado em Tubarão, Santa Catarina, é um dos exemplos desse tipo de obra, com mais de 500 toneladas de aço distribuídas em 3,3 mil metros quadrados, em um total de oito pavimentos. Apesar do tamanho do projeto, o método de construção modular permitiu que toda a obra fosse concluída em apenas 100 dias, sendo 80 para fabricação e 20 para montagem e instalação.

Contato

Tel.: (32) 3532-6362
WhatsApp: (32) 98420-4422

Endereço
Rodovia Km 6, Ubá – MG, CEP 36500-000

Receba nossas novidades por e-mail

Falar conosco
Precisa de ajuda?
Olá, podemos te ajudar?